terça-feira, 13 de abril de 2010

Esta lá tudo


Esta lá tudo
Basta sentir
basta…
querer!

Esta lá tudo
a tristeza
a alegria
a inocência

Esta lá tudo
a lágrima k lubrifica
a cor que atrai
a chave que guarda o segredo

Esta lá tudo
Podes sorrir
vestir as mais belas cores
que o teu olhar não mente!

Alimenta-se do prazer genuíno e
das futilidade que o vicio contamina,
como roupa que já passou de moda
Esta lá tudo...

Faz dele uma arma, focaliza o alvo
como quem guarda um beijo.
Aprende a falar num olhar…
Não lhes dês avareza

Vivemos num mundo cada vez mais cego de ver
Vivemos num mundo cada vez mais deserto no sentir
Vivemos cá,
…e cada vez mais, com menos brilho!

Sem comentários:

Publicar um comentário