sábado, 1 de novembro de 2008

"AMADORES"


Já deitei o amor fora na “escrita”
Esta palavra é mágica
Deve ser sussurrada
Deve ser cuidada
Deve ser sentida
Deve ser usado no momento certo

Deve ser o “orgasmo” de duas almas
que nutrem da mesma ilusão
Como um casulo que dá “flor”
á borboleta mais bonita
O ouvido deve estar preparado
para suportar tal vibração
Não deve ser alimentado em vão com este suar

Quero lembrar-me de quem amei
Ser recordado por quem ousou amar-me
Não quero ser lembrado
por ser mais um dos “amadores" diários

Sem comentários:

Publicar um comentário