domingo, 25 de março de 2012

Um todo parte de mim


Há dias que sou um todo
de um nada que há em mim
Um sol incandescente
um todo ausente
a uma carência de ti

Tem vezes que sou assim
Um todo parte de mim

Tem dias que o sou
por teimosia
Tem outros que sou...
Só porque sim
Só porque me esqueço
que viver atado
a regras
a um passado
Não é o que mereço
Não faz parte de mim
Desta vida
cansada e poetizada
Sem uma lógica
inteiramente acertada

Por isso escrevo
Respiro sem duvidas
E visto-me do avesso
Porque há dias assim
Em que me sinto
Um todo parte de mim

Sem comentários:

Publicar um comentário